• Diogo Oliveira

Porque gosto de fotografar casamentos?

Da vida selvagem aos casamentos

Os que me conhecem e os que leram a minha história sabem que na verdade comecei por fotografar Vida Selvagem e Natureza. Ainda hoje continuo a fotografar vida selvagem, mas depois de 10 anos com uma máquina ao pescoço já me sentia confiante nas minhas capacidades técnicas como fotógrafo para experimentar outros estilos de fotografia e aumentar o meu leque de conhecimento. Antes de me aventurar comecei por estudar um pouco mais sobre estes novos estilos. Descodificar alguns mitos, definir qual a melhor estratégia, mas também perceber qual o equipamento que iria fazer falta. Aos poucos tinha tudo o que necessitava para me sentir bem a fotografar um casamento. Mas foi o convite de uns amigos que se iam casar que realmente tornou tudo mais oficial. Agradeço-lhes já do fundo do coração a aposta que fizeram em mim, que me ajudou a dar aquele passo extra e a confiar nas minhas capacidades.


Abertura ou Velocidade

Aos poucos tenho vindo a descobrir que fotografar casamentos é muito semelhante à fotografia de vida selvagem! Não no aspeto que podem já estar a pensar, mas no facto de termos tudo planeado e nada correr como planeado… Na verdade, nunca sabemos o que pode acontecer e por isso, temos de estar prontos para tudo e de nos adaptar rapidamente. Tal como na fotografia de vida selvagem. É esta adrenalina que me faz gostar de fotografar casamentos. Quero fazer mais casamentos e continuar a fotografar natureza, aliás adoro misturar os vários estilos. Adoro ter cor nas fotografias, adoro algumas das técnicas macro para fotografar plantas, anfíbios ou répteis e utilizá-las nos casamentos, assim como alguns truques da fotografia de paisagem. O mesmo funciona ao contrário, pois gosto de utilizar alguns dos truques que aprendi com a fotografia de casamentos na fotografia de natureza e vida selvagem.


De casamento em casamento

Adoro fotografar! De estar com a máquina na mão e acima de tudo de criar algo especial e único. Num casamento tenho oportunidade de fazer tudo isso e muito mais, tenho ainda oportunidade de tornar aquele dia ainda mais especial. Sou talvez o maior critico de mim próprio, o que me motiva a melhorar a cada dia que passa. E adoro fotografar casamentos de amigos, de registar a felicidade estampada nos seus rostos, mas acima de tudo de os poder ajudar a tornar aquele dia ainda mais especial.


Fotografias por Diogo Oliveira Photography